China relata 394 Novos Casos de Coronavírus e mais 114 mortes

China relata 394 Novos Casos de Coronavírus e mais 114 mortes: Nós vamos explicar: Aposentadoria Especial Blog Explica: O governo da China relatou nesta quinta-feira a ocorrência de 394 novos casos de infecção por coronavírus e mais 114 mortes no país ontem. O número de

China relata 394 novos casos de coronavírus e mais 114 mortes

China relata 394 Novos Casos de Coronavírus e mais 114 mortes: Nós vamos explicar: Aposentadoria Especial Blog Explica: O governo da China relatou nesta quinta-feira a ocorrência de 394 novos casos de infecção por coronavírus e mais 114 mortes no país ontem. O número de

CORONAVÍRUS: O QUE VOCÊ PRECISA SABER

“Um novo Coronavírus chinês, primo do vírus da SARS, infectou centenas de pessoas desde o início do surto em Wuhan , na China, em dezembro. O cientista Leo Poon, virologista da Escola de Saúde Pública da Universidade de Hong Kong, que primeiro decodificou o vírus, acredita que esse teve origem em um animal e se espalhou para os seres humanos.

“O que sabemos é que causa pneumonia e, em seguida, não responde ao tratamento com antibióticos, o que não é surpreendente”, disse Poon.

Não está claro o quão mortal o Coronavírus de Wuhan será, mas as taxas de mortalidade atualmente são mais baixas que o MERS e o SARS. Os especialistas enfatizam que isso mudará à medida que o surto se desenvolver.A Organização Mundial da Saúde ofereceu orientação aos países sobre como eles podem se preparar para isso, incluindo como monitorar os doentes e como tratar os pacientes. Aqui está o que você deve saber sobre os Coronavírus.

O que é um Coronavírus?

O Coronavírus é um grupo de vírus que comum entre os animais. Em casos raros, ele é o que os cientistas chamam de zoonótico, o que significa que pode ser transmitido de animais para seres humanos, de acordo com os Centros dos EUA para Controle e Prevenção de Doenças.

Sintomas de Coronavírus

O vírus pode deixar as pessoas doentes, geralmente com uma doença do trato respiratório superior de leve a moderada, semelhante a um resfriado comum. Os sintomas do Coronavírus incluem coriza, tosse, dor de garganta, possivelmente dor de cabeça e talvez febre, que pode durar alguns dias.

Para aqueles com um sistema imunológico enfraquecido, idosos e muito jovens, há uma chance do vírus causar uma doença do trato respiratório mais baixa e muito mais grave, como uma pneumonia ou bronquite.

Há alguns tipos de Coronavírus humanos que são conhecidos por serem mortais.

CORONAVÍRUS

A síndrome respiratória do Oriente Médio, também conhecida como vírus MERS, foi relatada pela primeira vez no Oriente Médio em 2012 e também causa problemas respiratórios, mas esses sintomas são muito mais graves. Três a quatro em cada 10 pacientes infectados com MERS morreram, de acordo com o CDC.

A síndrome respiratória aguda grave, também conhecida como SARS, é o outro Coronavírus que pode causar sintomas mais graves. Identificado pela primeira vez na província de Guangdong, no sul da China, de acordo com a OMS, causa problemas respiratórios, mas também pode causar diarreia, fadiga, falta de ar, dificuldade respiratória e insuficiência renal. Dependendo da idade do paciente, a taxa de mortalidade por SARS variou de 0 a 50% dos casos, sendo os idosos os mais vulneráveis.

mas também pode causar

  • Diarreia,
  • Fadiga,
  • Falta de ar,
  • Dificuldade Respiratória e
  • Insuficiência Renal

Atualmente, acredita-se que o Coronavírus de Wuhan seja mais leve que o SARS e o MERS e leva mais tempo para desenvolver sintomas. Até hoje, os pacientes têm uma experiência de tosse leve por uma semana, seguida de falta de ar, levando-os a visitar o hospital, explica Peter Horby, professor de doenças infecciosas emergentes e saúde global da Universidade de Oxford. Até o momento, cerca de 15% a 20% dos casos se tornaram graves, exigindo, por exemplo, ventilação no hospital.

O governo da China relatou nesta quinta-feira a ocorrência de 394 novos casos de infecção por coronavírus e mais 114 mortes no país ontem.

O número de novos casos sofreu drástica queda em relação ao de terça-feira (1.749), mas a China mais uma vez mudou sua metodologia de contagem, voltando a desconsiderar casos confirmados por meio de exame clínico.

Com a última atualização, o total de casos confirmados na China continental desde o início do surto atingiu 74.576, com 2.118 mortes. Fonte: Associated Press.

Compartilhe
- Advertisement -spot_img

Leia Mais

Recente

Compartilhe