Reforma tributária é prioridade e governo aguarda relatório, diz líderança na Câmara

Reforma tributária é prioridade e governo aguarda relatório, diz líderança na Câmara: Aposentadoria Especial Blog Explica: Por Maria Carolina Marcello BRASÍLIA (Reuters) – A Liderança do Governo na Câmara dos Deputados afirmou nesta quinta-feira que o Executivo considera a

Reforma tributária é prioridade e governo aguarda relatório, diz líderança na Câmara

Por Maria Carolina Marcello
BRASÍLIA (Reuters) – A Liderança do Governo na Câmara dos Deputados afirmou nesta quinta-feira que o Executivo considera a reforma tributária uma prioridade e aguarda a divulgação do parecer da proposta em tramitação no Congresso para se posicionar oficialmente.
A cargo do deputado Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), líder da Maioria na Casa, a reforma tributária tem sido discutida por uma comissão mista do Congresso Nacional e tem sido motivo de cobranças ao governo para que se posicione claramente. A expectativa é que Ribeiro apresente seu relatório a líderes e à equipe econômica ainda nesta semana.
“A aprovação da reforma tributária é uma das prioridades do Governo Bolsonaro”, disse a Liderança do Governo na Câmara em nota, lembrando que o Executivo chegou a encaminhar um projeto propondo a criação da Contribuição sobre Bens e Serviços (CBS).
“Neste momento, o Governo Federal aguarda a publicação do relatório do deputado Aguinaldo Ribeiro para emitir seu parecer oficial”, acrescentou o texto divulgado pela assessoria do líder do governo na Câmara, deputado Ricardo Barros (PP-PR).
O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), tem dito que a reforma tem votos para ser aprovada, mas tem cobrado que o governo se posicione sobre outros temas além do abordado no projeto encaminhado.
A nota da liderança aponta ainda que a equipe econômica acompanha o assunto e tem mantido contato com o relator, “encaminhando as informações solicitadas e emitindo opiniões” a respeito dos temas em discussão.
“É desejo do presidente uma reforma tributária que simplifique e modernize os impostos sem aumento de carga tributária”, disse o líder do governo na nota.

Related Items:

Compartilhe
- Advertisement -spot_img

Leia Mais

Recente

Compartilhe